Arquivos de tags: literatura
Trecho do Rio Poty, à altura da Barra do Riacho Seco

Esvaem-se os rios

por João Bosco Bezerra Bonfim

  Corre o ano da graça De dois mil e dezesseis Esvaem-se os rios Menos calha a cada vez escassos vasos exangues Já no janeiro mês.

Leia mais

dialética sertaneja

por João Bosco Bezerra Bonfim

Riacho Seco se riacho, porque seco? se seco, porque riacho? mas um leito se sustenta de matéria mais vária que a imaterial água ainda está aqui a areia de que um riacho precisa pra se achar ainda os mofumbos se lembram de seus galhos a acariciar as correntes águas que dizer das pedras preparadas ainda […]

Leia mais

viajante

por João Bosco Bezerra Bonfim

em leito delicioso de pedra assentei o meu peito donde frutuosos brotos encarnados afloram perfeitos (do meu livro passagens terrâneas e subterrâneas)

Leia mais